“How do you sleep”: de John para Paul

 

É absolutamente natural que o fim de uma banda decorra de um desgaste nas relações pessoais entre seus membros.

É normal também, de igual modo, que após a dissolução do conjunto, haja ressentimento nas relações pessoais entre os ex-integrantes da banda.

Vez ou outra os ressentimentos decorrentes do fim da banda se transformam em canções. Naturalmente polêmicas.

E quando se trata da maior banda de rock de todos os tempos?

Todos sabem que o fim dos Beatles acarretaram um afastamento, para não dizer rompimento, entre John Lennon e Paul McCartney. E daí veio a polêmica.

Tudo começou quando Paul gravou o disco “RAM”, sendo que em diversas músicas haveria indiretas (após a morte de John, Paul confirmou algumas dessas “alfinetadas”), tanto a John Lennon quanto a Yoko Ono. Pode-se citar a canção “Too many people”, “The Back Seat Of My Car” e “Dear Boy”.

Na canção Too many people, lançada por Paul, há uma crítica a pessoas que tentam doutrinar as outras

 “Havia uma pequenina referência a John na coisa toda. Ele estava fazendo um monte de pregação.”

 

Na mesma entrevista ele ainda conta: “O trecho “Too many people waiting for that lucky break/ That was your first mistake/ You took your lucky break/ And broke it in two/ Now what can be done for you?/ You broke it in two” (Um bocado de gente esperando por uma boa oportunidade/ Esse foi o seu primeiro erro/ Você pegou a sua oportunidade/ E a partiu no meio/ Agora, o que pode ser feito por você?/ Você a partiu no meio) também foi pra John”.

 

Resultado de imagem para paul mccartney ram

Em resposta, John, no seu disco Imagine, incluiu a música “How do you sleep?”, expressamente dirigida a Paul McCartney.

O sentimento que se percebe nessa gravação é que Lennon se sentiu atacado por McCartney, com quem tinha discutido muito no último estágio dos Beatles. Consta que N Ringo Starr visitou o estúdio durante a gravação da música e teria ficado chateado com a situação, dizendo. “Pare com isso, John !!!”

Tempo após a dupla de sucesso Lennon e McCartney se reconciliaram e foram tão bons amigos como antes …

Se analisarmos a letra percebemos a raiva e a picardia comque Lennon escreveu uma carta cheia de ironia misturada com raiva.

“So Sgt. Pepper took you by surprise”, numa referência ao revolucionário disco dos Beatles, Sgt. Pepper Lonely Hearts club Band.

Mais adiante, faz referência aos boatos de que Paul teria morrido em 1966 “Those freaks was right when they said you was dead“, complementando que o único erro de Paul está na sua cabeça (“The one mistake you made was in your head”)

Critica Paul, por andar rodeado de gente certinha que dizem ser ele (Paul) o Rei, (“You live with straights who tell you you was king”), e faz em seguida um jogo de palavras. Diz que a única coisa que ele fez foi “Yesterday”, que pode ser uma referência tanto à canção “Yesterday”, como ao passado, dizendo que tudo que ele fez foi ontem… John, em entrevistas, chegou a dizer que Yesterday tinha sido o primeiro trabalho solo de Paul.

Resultado de imagem para john lennon imagine

Em seguida, faz uma piada com outra canção de Paul, já na carreira solo, dizendo que desde que ele se foi era outro dia (“another day”), numa clara referência à canção “Another Day”.

Conclui que a música de Paul é como “música de elevador” (muzak) para seus ouvidos, e que ele deveria ter aprendido alguma coisa depois de tantos anos.

As referências foram tão expressas que Ringo recusou-se a tocar bateria nesta canção. George Harrison, no entanto, não hesitou em tocar a guitarra solo na canção.

Em várias oportunidades, John foi questionado sobre a canção. Vale a pena citar três dessas referências:

Eu ouvi as mensagens de Paul em Ram – sim, elas existem, caro leitor! Muitas pessoas vão para onde? Perdemos qual nossa sorte? Qual foi o nosso primeiro erro? Não pode estar errado? Huh! Quero dizer, Yoko, eu e outros amigos não podem estar ouvindo coisas. Então, para nos divertir, devo agradecer Allen Klein publicamente pela linha ‘apenas mais um dia’ (Just another day). Um verdadeiro poeta! Algumas pessoas não veem o lado engraçado disso. Muito ruim. O que eu devo fazer, causar riso? É o que se pode chamar de uma “carta furiosa ‘, cantado – sacou? (Crawdaddy magazine)

Noutra entrevista junto com Yoko Ono, dada a david Sheff, John fez referência à canção Like a rolling stone,de Bob Dylan, de que maneira as pessoas usam alguém como objeto para criar alguma coisa.

Eu não estava realmente sentindo algo prejudicial no momento, mas eu estava usando o meu ressentimento em relação a Paul para criar uma canção. Vamos colocar dessa maneira. Foi apenas um estado de espírito. Paul tomou-o daquele jeito porque ela obviamente, claramente se refere a ele, e as pessoas só o perseguem, perguntando-o: “Como vocês se sentem sobre isso? ‘ Mas houve algumas pequenas coisas obscuras em seus álbuns, que ele mantinha. Então eu pensei, bem, deixe de ser obscuro! Eu vou ir direto ao âmago da questão”.

 

Na entrevista abaixo, ele admite que “How do you sleep” foi uma resposta ao que Paul disse em RAM:

 

 

Numa entrevista para Andy Peebles em 6 de dezembro de 1980, quatro dias antes de sua morte. Ele recorda:

Eu usei meu ressentimento contra Paul, que eu tenho como uma espécie de rivalidade entre irmãos, ressentimento da juventude, para escrever uma canção Era uma rivalidade criativa … Não foi uma vingança cruel … mas eu senti ressentimento, então eu usei. 

 A música ficou, a rivalidade não durou tanto. John e Paul, depois dos Beatles, nunca mais foram próximos…

 

 

So Sgt. Pepper took you by surprise

You better see right through that mother’s eyes

Those freaks was right

When they said you was dead

The one mistake you made was in your head

Ah, how do you sleep?

Ah, how do you sleep at night?

 

You live with straights who tell you you was king

Jump when your momma tell you anything

The only thing you done was yesterday

And since you’re gone you’re just another day

Ah, how do you sleep?

Ah, how do you sleep at night?

 

Ah, how do you sleep?

Ah, how do you sleep at night?

 

A pretty face may last a year or two

But pretty soon they’ll see what you can do

The sound you make is muzak to my ears

You must have learned something in all those years

 

Ah, how do you sleep?

Ah, how do you sleep at night?

Fontes: http://beatlescollege.wordpress.com/2011/03/22/a-briga-musical-entre-john-lennon-e-paul-mccartney/;

http://www.songfacts.com;

http://www.beatlesbible.com/people/john-lennon/songs/how-do-you-sleep/

Sheff, David, A última entrevista do casal John e Yoko. Trad. Vania Cury, Ediouro,

https://www.dtudoumpoucoblog.com/single-post/2016/09/07/A-hist%C3%B3ria-por-tr%C3%A1s-da-can%C3%A7%C3%A3o-How-do-You-Sleep-do-John-Lennon-e-Too-Many-People-do-Paul-McCartney

domingo 14 julho 2013 08:54 , em Beatles

 

Anúncios

Have You ever seen the rain

O Grupo Credence Clearwater Revival (nome esquisito para uma banda – a história vem em outra postagem) notabilizou-se sobretudo pela canção – Clássica até hoje, mais de 40 anos depois, “Have You ever seen the rain“. A canção, um country rock gravado em 1971, no album Pendulum. 

A canção, que revela uma certa tristeza na expectativa de calmaria após a tempestade, foi feita por John Fogerty (vocalista e guitarrista), quando seu irmão mais velho e guitarrista da banda, Tom Fogerty, estava prestes a deixar a banda para seguir carreira solo, justo quando a banda estava no auge.

Numa entrevista, Fogerty afirmou que a canção foi escrita sobre o fato de que a banda estava no topo das paradas, tendo superado todos os seus sonhos mais loucos e suas mais exigentes expectativas de fama e fortuna. Eles eram ricos e famosos, mas de alguma forma todos os membros da banda na época estavam deprimidos e infelizes.

Assim, a linha de “Você já viu a chuva, caindo em um dia ensolarado”. A letra faz referências às tempestades vindas antes da calmaria, e as referências ao sol que esfria e a chuva que aquece, enfim, as contradições de algo que parece ser em princípio ter tudo para ser feliz e que termina desaguando em tristeza.

Por isso mesmo, mesmo que o dia estivesse ensolarado para a banda, internamente seus membros estavam chovendo.

Em 2012, quando apresentava um show no Arizona, John Fogerty afirmou que o significado desta música mudou para ele ao longo do tempo. Ele disse que a canção canção foi originalmente escrita sobre uma coisa muito triste que estava acontecendo na sua, mas que ele se recusava a ficar triste naquele momento, pois agora essa música me lembra da sua filha, Kelsey, e cada vez que ele a cantava, pensava sobre Kelsey e arco-íris. ”

Fogerty acrescentou que este é a sua música favorita de todos os tempos… .